Menu

uma breve história

Santa Casa
da Misericórdia

de Loures

Em

1996

iniciaram-se conversações entre alguns lourenses de boa vontade com o objetivo de criar uma Santa Casa da Misericórdia no Concelho de Loures, na sede de concelho. 

1996

1997

Conheça a

Irmandade

A 31 de Janeiro

1997

oficializa-se a intenção de criação da instituição com um subscrito assinado
por 21 proponentes. 

A 28 de Maio

1997

é aprovado o documento a ser assumido posteriormente como Compromisso (Estatutos), com a subscrição por parte

de 36 proponentes. 

A 06 de Junho

1997

dá-se a aprovação canónica do Compromisso (Estatutos) pelo Senhor Cardeal-Patriarca de Lisboa, D. José IV. 

A 29 de Julho

1997

é publicado em Diário da República o reconhecimento oficial da Irmandade da Misericórdia de Loures, com sede em Loures, com morada na Igreja Paroquial, com o fim de satisfação de carências pessoais e sociais e a prática de atos

de culto católico.

 

Inicia-se a vida da Irmandade. 

1997

1996

1999

Em

1999

a Santa Casa da Misericórdia de Loures
apoiava já, através do Banco Alimentar Contra a Fome, 56 famílias da Freguesia
de São Julião do Tojal. 

1999

1997

2003 - 2005

Entre

2003 e 2005

o apoio social na Freguesia de São Julião do Tojal foi melhorado.

Procedeu-se à abertura da Sede, através de contrato de comodato com a Câmara Municipal de Loures, na rua Angola, 9.

Deu-se a abertura do Oratório da Misericórdia de Loures, na sede, onde

teve início a celebração da Santa Missa

em todos os primeiros sábados de cada mês, presidida pelo Capelão, o Revmo.
Senhor Pe. Francisco Inocêncio. 

Nesse período foi aberto um novo Centro Social na própria Sede com recurso a uma Assistente Social voluntária, iniciando-se um projecto de Unidade de Cuidados de Saúde concorrendo ao Programa RAME.

Foi aberto o Centro de Apoio Infanto-Juvenil da Manjoeira em espaço cedido por comodato pelo Município de Loures. 

Os Irmãos da Misericórdia de Loures triplicaram, contribuindo para um incentivo maior à dinâmica que se ia desenvolvendo, promovendo a criação de comissões e de grupos de trabalho em áreas especificas continuando à procura de espaços para projetos em desenvolvimento.

Desenvolveu-se ainda um programa anual de formação para os Irmãos.

Durante este mandato foi criado o Boletim da Misericórdia de Loures, e deu-se início à construção da página oficial digital da instituição.  

1999

2006 - 2008

2003 - 2005

a Misericórdia de Loures recebeu, por contrato de cedência de direito de superfície, um terreno municipal destinado à implementação de uma Unidade de Cuidados Continuados de Saúde, denominado “Hospital do Sagrado Coração de Jesus da Santa Casa da Misericórdia de Loures”, tendo então

como parceiro o Grupo Visabeira Saúde. 

Devido a questões relacionadas com as características do terreno em questão, o projeto não viria a ser concretizado. 

Entre

2006 e 2008

Contudo, a Misericórdia de Loures continuou a desenvolver o que passaria a designar Centro de Atividades Educativas da Manjoeira, no Bairro Municipal da Manjoeira, Freguesia de Santo Antão do Tojal. 

Este projeto já a decorrer revestia-se de grande relevo para aquele bairro, criando

um refeitório escolar para todos os alunos

de idade infantil, pré-escolar e do primeiro ciclo da comunidade escolar da Manjoeira,

e com um espaço educativo para todos os alunos que precisavam dele fora do horário escolar e em férias. 

2003 - 2005

2008 - 2014

2006 - 2008

Entre

2008 e 2014

contando com a colaboração de uma Assistente Social, contratada a tempo inteiro, a Misericórdia de Loures colabora com a Comunidade através de:

 

· SAAS – Serviço de Atendimento e    Acompanhamento Social, na União de Freguesias de Santo Antão do Tojal e

de São Julião do Tojal;

 

· CPCJ de Loures – Comissão de Proteção
de Crianças e Jovens; 

· BACF – Banco Alimentar Contra a Fome;

 

· PCAAC – Programa Comunitário de Ajuda Alimentar a Carenciados;

 

· Entrajuda – Programa de Bens Doados;

· Rede Social – Conselho Local de Ação Social e Comissões de Freguesia;

 

· Apoio em parceria com os Médicos do Mundo à Associação de Moradores do Zambujal;

· Banco Local de Voluntariado ao qual a Misericórdia aderiu desde a primeira hora, como uma entidade promotora;

 

· Criação do Projecto SEMAS – Serviços de Equipa Multidisciplinar de Ação Social,
como um carácter inovador, com parcerias protocoladas com a Junta de Freguesia de Loures e com a Associação Espírita Fernando Lacerda, promovendo vários serviços de enfermagem, de psicologia e de apoio jurídico, através de voluntários. 

Entre 2009 e 2011 a Misericórdia de Loures alicerçou-se na participação comunitária e passou a integrar a Rede Social, com representação no CLAS e nas Comissões de Freguesia de Santo Antão do Tojal e de São Julião do Tojal e, posteriormente, de Loures, Fanhões, Lousa e Bucelas, onde fez parte do grupo dinamizador para a criação dessa mesma Comissão.

Entre 2012 e 2014 a crise económica, decorrida anos antes, começou a revelar o seu impacto e diversas dificuldades foram surgindo, mantendo-se em funcionamento o CAE da Manjoeira e o Projeto SEMAS.

2006 - 2008

2015 -

2021

2008 - 2014

Entre

2015 e 2021

Em atualização...

2008 - 2014

2015 - 2021